Juro que eu estava querendo ir parar nos Emirados Árabes. Até estranhei aquele monte de árvores, mas achei que poderia estar dentro de um mega-oásis gigante. Não sei onde foi que o GPS se enganou. Tenho certeza que foi algum problema nele, pois fiz o curso no youtube “GPS sem Mestre” e me pareceu muito fácil me localizar na minha cidade.

No final das contas valeu a pena, pois conheci dois meninos muito engraçados. Um é um curumim e outro, seu amigo, um japonezinho. Nunca poderia imaginar que tinha alguém mais viciado em gadgets do que eu em plena floresta.

foto

Eles foram super-receptivos e dormi em uma rede junto com três papagaios, dois cachorros, um macaquinho e uma tartaruga. Se não fosse por eles, acho que teria passado um frio. O que deu trabalho foi a fumaceira na maloca… minha rinite atacou, e só valeu porque fiquei livre dos mosquitos, que por aqui se chamam carapanãs… Na verdade não preciso nem chamar… eles vem voando… Hahahahá!! Esta piada é velha, mas não resisti.

Mochi_foto2

Foi assim minha primeira noite na floresta.