Podem falar que eu tô ficando velha… afinal, já passei dos 20 anos… mas isso não impede de eu gostar de música de qualidade, independente da idade. Fui em um barzinho e escutei um som muito bom, regional, com um toque do que eu chamei de mpb-forró. Quando fui perguntar descobri o Pessoal do Ceará. Até o nome do CD é muito bom, e representa como eu estou: “Meu corpo, minha embalagem, todo gasto na viagem“.

Ednardo, Rodger Rogerio e Tetty… Tudo bem, sei que nunca ouviu falar neles, mas vale a pena conferir, tenho certeza de que vai gostar, e se encantar um pouquinho mais com o sertão! Ah… o disco foi lançado em 73… e eu não era ainda nem sonho de meu pai… Aliás, nem ele conhecia, tive que apresentar, mas isso é outra história.